Entenda a Restrição de Caminhões na cidade de São Paulo

7 07 2008


Começou em 1º de Julho de 2008 a restrição de tráfego de caminhões na parte central de São Paulo visando a melhora do fluxo do trânsito. Por existirem nesta área muitas lojas varejistas, supermercados, distribuidores, e até feirantes, o tráfego de caminhões que distribuem ou embarcam cargas é grande e para alívio de uns e preocupação de outros a Prefeitura do Município de São Paulo no qual Gilberto Kassab é prefeito resolveu restringir fluxo de caminhões em horários específicos.

É proibido o tráfego de caminhões entre 5h e21h.

Os VUCs (Veículos Urbanos de Carga) também devem obedecer o rodízio. VUCs com placas pares, apenas poderão trafegar em dias pares das 5h às 21h e os de placas ímpares, nos dias ímpares no mesmo horário. à partir de 1º de agosto até 31 de outubro o VUC’s terão horário mais restrito para tráfego: das 10h às 16h de segunda a sexta-feira.

O descumprimento da nova lei acarretará multa de R$85,13 a cada duas horas e 4 pontos na carteira para condutores de caminhões. O condutor pode acumular até 8 infrações que em um dia dá a soma de R$621,04 e 32 pontos na carteira. Para os condutores de VUC’s o valor da multa é igual a de caminhões, como também é o mesmo valor para quem tomar multa por trafegar no dia de rodízio. Podem ser acumuladas 16 multas em um dia para condutores de VUC’s.

Fiscais da CET estão multando os condutores desses veículos que descumprem a lei.

Abaixo segue o decreto desta lei:

DECRETO Nº 49.487, DE 12 DE MAIO DE 2008
Regulamenta o trânsito de caminhões na Zona de Máxima Restrição de Circulação – ZMRC.

GILBERTO KASSAB, Prefeito do Município de São Paulo, no uso das atribuições que lhe são conferidas por lei, CONSIDERANDO que compete ao Município legislar sobre assuntos de interesse local, nos termos do inciso I do artigo 30 da Constituição Federal, além de organizar, promover, controlar e fiscalizar o trânsito e o serviço de transporte de cargas dentro do seu território, nos termos dos incisos I e IV do artigo 179 da Lei Orgânica do Município de São Paulo;
CONSIDERANDO a necessidade de compatibilizar os fluxos de pedestres, transporte coletivo, cargas, serviços, informações e transporte individual na Cidade, em particular na região interna ao Centro Expandido;
CONSIDERANDO a necessidade de viabilizar a melhoria da qualidade de vida da população, quanto às condições de fluidez e segurança do trânsito, garantindo a continuidade das atividades essenciais da Cidade, D E C R E T A:

Art. 1º. Fica proibido o trânsito de caminhões na Zona de Máxima Restrição de Circulação (ZMRC), delimitada pelas vias arroladas no Anexo I e configurada no mapa constante do Anexo II, integrantes deste decreto, nos seguintes dias e horários, excetuados os feriados:

I – de 2ª a 6ª feira: das 5 às 21 horas;

II – aos sábados: das 10 às 14 horas.

Art. 2º. Excetuam-se da ZMRC as seguintes vias ou trechos de vias que possuem características especiais de trânsito:

I – vias delimitadoras da ZMRC, relacionadas no Anexo I deste decreto;

II – Vias Estruturais Restritas – VER, com horários de restrição específicos, conforme estabelecido em portaria da Secretaria Municipal de Transportes, relacionadas a seguir:
a) Av. Rebouças, em toda a extensão;
b) Av. Eusébio Matoso, em toda a extensão;
c) Av. Nove de Julho, em toda a extensão;
d) Av. Cidade Jardim, entre Av. Brig. Haroldo Veloso e Av. Brig. Faria Lima;
e) Av. São Gabriel, em toda a extensão;
f) Av Santo Amaro, entre Av. São Gabriel e Av. Bandeirantes;
g) Av. Paulista, entre R. da Consolação e Pça. Oswaldo Cruz;
h) Av. Prestes Maia, em toda a extensão;
i) Passagem Tom Jobim;
j) Av. Rio Branco, em toda a extensão;
l) Av. Sen. Queirós, entre a R. da Cantareira e Pça. Alfredo Issa;
m) Av. Ipiranga, entre a Pça. Alfredo Issa e Av. São Luiz;
n) Av. São Luiz, em toda a extensão;
o) Vd. 9 de Julho;
p) Vd. Jacareí;
q) Rua Maria Paula, em toda a extensão;
r) Vd. Dona Paulina;

III – vias sinalizadas com placas “R-9: Proibido Trânsito de Caminhões”, por período integral;

IV – vias sinalizadas com placas “R-10: Proibido Trânsito de Veículos Automotores”.

Art. 3º. Ficam excepcionados da restrição prevista neste decreto, nos períodos adiante especificados e conforme as condições estabelecidas em portaria a ser expedida pela Secretaria Municipal de Transportes, os caminhões que prestam os seguintes serviços:
I – por período integral:
a) de urgência;
b) socorro mecânico de emergência;
c) cobertura jornalística;
d) obras e serviços de emergência;
e) acesso a estacionamento próprio;

II – no período das 5 às 16 horas:
a) obras e serviços de infra-estrutura urbana;
b) concretagem e concretagem-bomba;
c) feiras livres;
d) mudanças;

III – no período das 5 às 12 horas:
a) transporte de produtos alimentícios perecíveis;
b) transporte de produtos perigosos de consumo local;

IV – no período das 10 às 16 horas:
a) transporte de valores;
b) remoção de terra/entulho e transporte de caçambas;
c) prestação de serviços públicos essenciais.

1º. Consideram-se como em serviço de urgência, nos termos do artigo 29, inciso VII, do Código de Trânsito Brasileiro, os caminhões destinados a socorro de incêndio e salvamento, os de polícia, os de fiscalização e operação de trânsito e ambulâncias, devidamente identificados por dispositivos regulamentares de alarme sonoro e iluminação vermelha intermitente.

2º. O trânsito de caminhões no transporte de gasolina, óleo diesel e álcool combustível fica provisoriamente autorizado na ZMRC por 45 (quarenta e cinco) dias, a contar da data da vigência deste decreto, no período das 5 às 6 horas e das 20 às 21 horas.

Art. 4º. A SMT poderá autorizar o trânsito de caminhões na ZMRC em casos excepcionais, mediante o fornecimento de “Autorização Especial”, conforme previsto no Decreto nº 48.338, de 10 de maio de 2007.

Art. 5º. Fica revogado o artigo 4º do Decreto nº 48.338, de 2007.

Art. 6º. Este decreto entrará em vigor no dia 30 de junho de 2008, revogadas as disposições em contrário.

PREFEITURA DO MUNICÍPIO DE SÃO PAULO, aos 12 de maio de 2008, 455º da fundação de São Paulo.
GILBERTO KASSAB, prefeito
ALEXANDRE DE MORAES, Secretário Municipal de Transportes
CLOVIS DE BARROS CARVALHO, Secretário do Governo Municipal
Publicado na Secretaria do Governo Municipal, em 12 de maio de 2008.

Varejistas prevêem aumento dos preços dos produtos pelo fato das entregas terem de ser feitas no período noturno, que está fora do horário de restrição. Entregas noturnas acarretam mais custos em pessoal para o trabalho de noite, risco de avarias, roubos, assaltos é maior. Feirantes precisam fechar suas barracas mais cedo para evitarem o tráfego de caminhões.
Como estudante de logística, fico em cima do muro, pois no mesmo tempo que pode ajudar a melhorar o tráfego na cidade de São Paulo, os preços sobem e os consumidores sentirão no bolso os reajustes. Empresas transportadoras deverão rever suas estratégias, usar outros tipos de veículos, estipular horários para entregas e recolhimentos, enfim, terão de fazer muito para se darem bem, já que entregar numa cidade como São Paulo gera muitos custos e, na maioria das vezes, os clientes não querem pagar o valor e, assim, a transportadora fica na pior.
O horário de restrição deveria ser menor. Se for para restringir caminhões, o melhor horário seria o considerado hora do Rush, horário em que as pessoas, na sua maior parte, saem do trabalho e voltam para suas casas.

Para saber mais sobre a restrição, ver mapa dos lugares onde a mesma atua, visite o site do Estadão

Até o próximo post 🙂

Anúncios

Ações

Information

One response

15 09 2010
ana paula

Olá, preciso urgente saber de uma transportadora para realizar uma mudança na zona máxima de restrição (Itaim).
É pouca coisa, preciso de caminhão baú.

Atenciosamente,

Ana Paula

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




%d blogueiros gostam disto: