Canais Verticais

31 10 2008


Um canal de distribuição vertical é a tradicional transferência de responsabilidades de um segmento da cadeia de suprimentos para o seguinte, como um bastão em uma corrida de revezamento.

Em uma abordagem simples e prática, podemos notar o seguinte fluxo:

O fabricante envia um caminhão completamente carregado com seu produto ao armazém do atacadista (isso quando não passa por um centro de distribuição antes), onde a carga é desconsolidada. O atacadista vende o produto a diversos varejistas, esses, por sua vez, estocam as mercadorias nas lojas e as vendem para os consumidores. Serviços pós-vendas (instalações, atendimento a eclamações e informações sobre o uso do produto, etc.) são realizadas diretamente pelo varejista solicitados pelos clientes finais.

Há estoques nos diversos segmentos (intermediários) do processo que esxercem a função de pulmão (buffer). Todos os elementos (fabricantes, atcadistas, varejistas, consumidores) desempenham papéis de apoio, atuando nos bastidores do processo.

O atacadista desconsolida lotres completos, de vários fabricantes, e vende em lotes pequenos ao varejista. A conseqüência deste canal é que o atacadista e fabricante não possuem contato direto com o cliente final, diferente do varejista que interpreta as preferências, as tendências da demanda, a necessidade de serviços pós-venda, etc. desse elemento.

Algus consumidores prefeririam obter informações direto com os fabricantes, mas na distribuição vertical, é o varejista o intermediário encarregado desta função. Geralmente são os vendedores das lojas quem passam as informações técnicas dos produtos aos consumidores.

Com a definição do Supply Chain Management, e a evolução dos sistemas computacionais juntamente com serviços sofisticados de distribuição de cargas, como a Fedex, possibilitam ás empresas despachar pedidos pequenos com prazos de entrega menores diretamente para os consumidores. Evita-se, assim, algumas penalizações e burocracias.

Em alguns tipos de comércios, intermediários na cadeia de suprimentos, como atacadista e distribuidor estão ameaçados pelo fato do surgimentos de canais diretos. Esse tipo de canal direto são mais curtos, pois usam menos intermediários. Todas essas mudanças visam obter maior valor final para o consumidor usando as mudanças tecnológicas e de mercado observadas diariamente.

Até o próximo post e bom final de semana \o/

Anúncios

Ações

Information

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




%d blogueiros gostam disto: