Investimento em Infraestrutura Foi Menor do que 1%

26 01 2009


O governo não conseguiu cumprir a meta de investir 1% do PIB – Produto Interno Bruto – em infraestrutura em 2008. Um dos motivos seria da atual crise financeira que arrecadou menos para a receita.

O objetivo era chegar no final de 2008 com investimentos de R$30 bilhões, mas este valor chegou a R$27,3 bilhão, ou seja, 0,9% do PIB. Obras federais não foram atingidas pela freada dos investimento, e sim, repasses para obras estaduais e municipais.

Anúncios




Vídeo Sobre Logística de Distribuição

23 01 2009

Um vídeo muito interessante sobre logística. No destaque está o comércio atacadista, mas podemos ver desde a origem de um pedido até o recebimento dele no cliente. Operações como separação, embalagem, conferência, expedição podem ser conferidas no vídeo. Destaco também a operação de roteirizador e parte dos desafios de infra-estrutura enfrentados no país. Interessante o caminhão sendo transpotado por uma balsa para conseguir dar continuidade a viagem.

Link para o vídeo (YouTube) http://br.youtube.com/watch?v=l4ow9uNXv7Y





Um Exemplo da "Maravilhosa" Infra-Estrutura do País

13 01 2009

Um trecho de sete quilômetros em obras da BR-101 (Espírito Santo – Bahia) tem a faixa amarela totalmente tortra que divide o tráfego da pista. Vários acidentes podem ocorrer neste trecho pelo fato de não dar a orientação certa de os motoristas estão na mão ou na contra mão.

O DNIT (Departamento Nacional de Infra-Esturtura de Transporte) disse que arrumará o problema pondo uma camada nova de asfalto no trecho semana que vem, mas a chuva pode atrasar a obra. O departamento também esclareceu ter ficado descontente com a faixa torta, alegando que o serviço deveria ser feito por uma empresa especializada. Mas cadê a fiscalização sobre as empresas contratadas para dar manutenção nas estradas?

No site G1 tem um vídeo mostrando a situação deste trecho. Clique AQUI para ver o vídeo.





Brasil tem Perspectiva Econômica Melhor

12 01 2009


Um relatório da OCDE (Organização para a Cooperação e Desenvolviemtno Econômico) aponta que o Brasil tem perspectivas econômicas melhores maior que países ricos e demais países do BRIC (Rússia, Índia e China).

O Indicador Composto Avançado que leva em conta entre cinco a dez indicadores econômicos ligados ao PIB de cada país sinaliza, para o Brasil, uma queda menor do que os outros países do OCDE e BRIC. O Brasil aponta queda de 1,1 ponto que o leva para 101,2 pontos. Abaixo de 100 é considerado desaceleração profunda. No ano passado a queda foi de 2,9 pontos.

Vejamos algumas pontuações de outros países:

Rússia: 13,8 Pontos
Alemanha: 10,7 pontos
Estados Unidos: 8,7 pontos

No total, o grupo OCDE que representa 29 economias desenvolvidas apontou queda de 7,3 pontos, que o leva a 93,8 pontos.

Só falta melhorar a infra-estrutura nacional para cada vez mais consigamos obter melhores resultados, não em teoria, mas práticos.





Nova Revista LogWeb Para Download

12 01 2009


Pessoal, está disponível no site http://www.logweb.com.br/index/home.asp a nova edição da revista LogWeb. É uma publicação gratuita em formato pdf.





Comentário Breve Sobre o PAC

7 01 2009

Quando se fala em investimento do governo em infra-estrutura, a sigla PAC (Programa de Aceleração do Crescimento) é a única existente. São R$504 bilhões para se investir em obras que melhorariam a infra-estrutura do país, mas muitas dessas obras estão atrasadas por motivos jurídicos, questões ambientais, e claro, políticas.

Se essa fortuna que o governo disponibilizou para o programa não der resultados em breve como obras concluídas visando o melhor fluxo de transportes e serviços gerando o retorno do investimento, o Brasil enfretará um baque com a perda desse dinheiro.

O problema ocorrerá se esse dinheiro estiver sendo desviado para os bolsos de políticos e outras pessoas não relacionadas ao sucesso do programa.




Aviso

4 01 2009

Pessoal, estarei viajando nesse mês (janeiro) e gostara de informar que não será possível atualizar o blog diariamnte durante esse período. Não vou abandonar o blog, mas vou postar com menos frequência neste mês.

Grande abraço!